julho 29, 2011

Viagem a Jataí

Depois de uma longa espera, consigo visitar Jataí (GO) para busca de raízes do poeta José Godoy Garcia. O seu irmão mais novo, o advogado Galeno Godoy, concedeu-me uma longa entrevista e visitou os locais em que passaram a infância. A casa da rua onde o poeta Godoy nasceu está um pouco desconfigurada, restando as vigas e o telhado originais. Permanece intacta a casa dos arreios. Alguns detalhes do material colhido são emocionantes. Nunca imaginei como a água pudesse ser distribuída numa cidade do tempo da colonização. Um rego era puxado de uma nascente, passando pelo quintal das diversas casas, servindo às casas dos patrões e da casa dos arreios. Tenho de ir imaginando e coletanto este material para a possível biografia que pretendo escrever sobre o poeta José Godoy Garcia. A família liberou, para escaneamento, mais de 50 cartas escritas por José Godoy.
Jataí é extraordinária, começando a explorar o seu potencial turístico, de águas termais. Estou muito bem instalado num hotel termal. Termas Bonsucesso.

Fotos: 1) pedras do calçamento da rua em que residiu, durante a infância, o poeta José Godoy Garcia. As pedras foram cobertas por asfalto, apagando as pegadas do filho famoso. 2) apareço ao lado da charmosa anfitriã da viagem. Andrea Godoy, sobrinha do poeta. 3) a Francisca ao lado da anfitriã. 4) no Café Relíquia, eu e Galeno Godoy aparecemos com Marlene Moraes de Freitas, ex-miss de Jataí, trabalhando agora em Goiânia como modelo.




Nenhum comentário: