Pular para o conteúdo principal

Surpreendo-me nesta manhã com a notícia da morte do saxofonista de jazz Michael Brecker, vencedor de 11 prêmios Grammy. Tinha apenas 57 anos, mas foi vencido pela leucemia, conforme dá conta o noticiário. Começou a tocar nos anos 60 no conjunto do pianista Horace Silver e depois com Billy Cobham, até criar, junto com outros músicos, em 79, o grupo Steps Ahead, que leva o nome de uma música de John Coltrane. Gravava regularmente, com opção por uma linha jazzística intermediária entre o pop e as modernas vertentes do jazz. Não é um inventor de novas vertentes, mas todo artista deixa um vácuo doloroso. Dos muitos discos, indico o Time is of the essence, da Verve, que conta com participações de Pat Metheny e Elvin Jones (o baterista chave do quarteto de John Coltrane). E gosto muito de Tales from the Hudson, pela GRP Records. Aqui está o top dos músicos de jazz: Pat Metheney, Dave Holland, Jack DeJohnette, Joey Calderazzo e McCoy Tyner, também do quarteto de John Coltrane. Comprei este disco num queima, na época em que foi lançado no Brasil, e me surprendi pela carga afetiva que os grupo traz. Até vou ouvi-lo hoje em homenagem ao músico que hoje, como está na capa, vai se afastando de nós para outras caminhadas.

Comentários

gosto da capa,lembra uma safra quebrada...
Anônimo disse…
Fool on the Hill
Anônimo disse…
Estou curiosissíma para ouví-lo, afinal meu instrumento favorito é Sax.

Ah! À propósito adorei o almoço, é muito bom ter uma pessoa tão especial como o Sr.

Um grande beijo, sua afilhada
Jackie.
da um pulo lá no punctum,tem novos lamentos...

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha sobre o filme "300"

Por Ana Paula Condessa

Todo filme tem seus méritos, seus pontos fortes, mas também tem furos e contradições. O filme 300, já em exibição, surgiu da história em quadrinhos “Os 300 de esparta” - criada e desenvolvida por Frank Miller. É impressionante a grandeza da produção do filme que chega a representação, com muita propriedade, por retratar a batalha que enfrenta o rei Leônidas -,os soldados espartanos, seus aliados contra o exército persa de Xerxes, na Batalha das Termópilas -, desfiladeiro da Grécia. Esparta - é uma sociedade que é toda voltada para a arte da guerra e todos os indivíduos, que dela fazem parte, são instruídos para tal. No filme é passado muito do que era Esparta e seu contexto, algo de muito valor para compreender a essência da Batalha das Termópilas - . A guerra é o meio de vida dos espartanos e, antes mesmo desta grande batalha que ficou para a história e, cujos métodos e estrutura de guerra foram usados por muitos anos em batalhas posteriores, eles moldaram um im…

SAUDAÇÕES AO ROMANCE DE WIL PRADO

Wil Prado é uma de minhas amizades mais firmes desde que cheguei a Brasília. Desde nossos passos iniciais na literatura, foram vívidos debates e percursos juntos pela cidade. Por muros vários que atravessam a nossa vida, Wil Prado demorou a publicar seu primeiro livro. E é com alegria que vejo que figuras importantes da literatura brasileira, de cara, se manifestarem favoravelmente ao seu romance SOB AS SOMBRAS da Agonia, editado pela Chiado, de Portugal, do qual foi leitor desde as primeiras versões até o momento de escrever a apresentação. Acredito que são poucos que merecem uma manifestação eufórica de Raduan Nassar.  E, ainda, de João Almino, que acaba de ser eleito para a Academia Brasileira de Letras.
(...) SOB AS SOMBRAS DA AGONIA me tocou sobretudo pela linguagem, por palavras novas, metáforas bem sacadas, e os empurrões articulando o entrecho. Além disso, o romance arrola no geral gente do povo, ao lado de uns poucos salafras da elite, com caracterizações convincentes, inclusi…